PARIS – Jardim de Luxemburgo, um parque espetacular na Cidade Luz

O Jardim de Luxemburgo é o maior parque público da cidade de Paris e pertence ao Senado da França que está sediado no Palácio de Luxemburgo.

Foi Maria de Médicis, viúva de Henrique IV quem mandou construir o parque para relembrar de sua infância em Florença, na Itália. Contratou o arquiteto Salomon de Brosse em 1611 e decidiu mandar fazer uma construção que fosse uma réplica do Palácio Pitti de Florença e recriados os jardins de sua memória infantil.



Booking.com

O Jardim fica no bairro Saint Germain des Pres, a poucos passos de nosso hotel e foi muito fácil o acesso à ele, tanto por não ter precisado de nenhum transporte, ficar dentro da própria cidade e não cobrarem nada para visitá-lo.
Jardim-de-Luxemburgo

Placa na entrada do Parque

Jardim-de-Luxemburgo
Um dos portões de acesso ao parque
Jardim-de-Luxemburgo
Já dentro do parque
Jardim-de-Luxemburgo
Crianças passeando de pôneis
Jardim-de-Luxemburgo
No inverno as árvores ficam totalmente desfolhadas
Dentro do parque existem vários espaços e atividades destinadas ao público adulto e infantil que o aproveita de várias formas. Existem quadras de tênis, lagos para crianças brincarem de barquinhos, muito espaço para caminhadas e corridas, parquinho infantil e pôneis para as crianças passearem.
Jardim-de-Luxemburgo
Banquinho para uma pequena pausa
Jardim-de-Luxemburgo
Parquinho infantil
Jardim-de-Luxemburgo
O parque é bem policiado e muito seguro
Jardim-de-Luxemburgo
Lindas fontes no interior do parque
Jardim-de-Luxemburgo
O Palácio de Luxemburgo, atual sede do Senado Francês
Jardim-de-Luxemburgo
Jardins muito bem cuidados, mesmo no inverno
Jardim-de-Luxemburgo
Consegui um amiguinho francês
Dentro do parque muitas obras de arte estão harmonicamente instaladas para apreciação dos visitantes e valorizando ainda mais o requintado espaço público.
Jardim-de-Luxemburgo
Lateral do prédio do Senado
Jardim-de-Luxemburgo
Olha como fiquei pequena perto da escultura
Jardim-de-Luxemburgo
 Torre Montparnasse
Perto do Jardim de Luxemburgo está situada a Torre Montparnasse, um edifício de 56 andares que é odiado pelos parisienses pelo simples motivo de destoar completamente do conjunto arquitetônico da cidade, datado do século XIX. Mas apesar disto o prédio é muito visitado pelos turistas para tirar fotos com visão de 360 graus e comerem no restaurante situado no topo do prédio, chamado Le Ciel de Paris.



Booking.com

Mas para mim, particularmente, a melhor lembrança do Jardim de Luxemburgo foi visitar dentro dele a Fontana Médici que fica situada no lado direito do Senado Francês. É espetacular, rica em detalhes, com coloridas carpas em seu tanque de água e toda ornamentada por heras nas suas laterais que criam uma cerca viva de corações. Maravilhoso!
Jardim-de-Luxemburgo
Fontana Medici
Jardim-de-Luxemburgo
A água escorre lentamente das esculturas
Jardim-de-Luxemburgo
Figuras mitológicas decoram a fonte
Jardim-de-Luxemburgo
Muitos turistas desconhecem este espaço escondido no parque
 Booking.com

Gisele Prosdocimi

Gisele Prosdocimi

Amo viagens, fotografia e gastronomia, posto tudo aqui no blog com o objetivo de informar, registrar e compartilhar lugares e momentos maravilhosos com as pessoas que também curtem estes hobbies.
Gisele Prosdocimi

Últimos posts por Gisele Prosdocimi (exibir todos)

68 comentários sobre “PARIS – Jardim de Luxemburgo, um parque espetacular na Cidade Luz

  1. Analuiza (Espiando Pelo Mundo)

    Oi Gisele… definitivamente preciso colocar Paris como prioridade em minha lista de cidades desejo! Que bonito o Jardim de Luxemburgo! Deve ser uma delícia, caminhar por ai, como se não houvesse amanhã…

    Por suas fotos me lembrou, de fato, o Palazzo Pitti em Firenze.

    Dizem que o parisiense tem um senso estético aguçado e pode até ser que eles tenham razão, mas pela sua foto eu não achei que a Torre Montparnasse tenha formado um conjunto feio com o parque. Achei interessante! Gostei! 🙂

    beijos

  2. Taís

    Este parque é mesmo muito bonito, Gisele.. que sorte de vocÊs terem ficado assim tão pertinho, muito legal. Se um dia eu for pra Paris, vou dar um pulinho lá pra conhecer também.
    Beijos!

  3. Amilton

    Que lugar lindo Gi! Belas fotos é um ótimo relato, não cheguei a conhecer os jardins quando estive em Paris, mas certamente vou tentar incluir numa próxima visita! Abs

  4. Cynara Vianna

    Paris é uma cidade que acho que deve ser conhecida aos poucos, irei pela terceira vez esse ano e o Jardim de Luxemburgo entrará no roteiro porque iremos em agosto e as outras vezes fomos em outubro, tempo frio, nublado e queremos vê-lo num dia de sol azul. Tenho certeza que adoraremos. Adorei a dica do restaurante no topo da Torre Montparnasse.

  5. Juliana Moreti

    Ótimo post, Gi!
    Não sabia que outra Medici havia se casado com outro Henrique (rsrsrsrs – sabia apenas da Catarina que se casou com Henrique II) e muito menos que esse local fosse uma réplica do Pitti (na verdade não consegui associar um com o outro).

    Também visitei esse parque no inverno, em um dia sem sol e com o céu preto! Minha foto do palàcio està assustadora!
    hahahahaha

    Abraços,

  6. Marcia

    Gisele, adoro este parque e também não gosto da Torre de Montparnasse pelo mesmo motivo dos parisienses. Ttem tanta coisa legal pra ver, as esculturas das rainhas e a fonte sao minhas preferidas, além de observar os parisienses cochilando na hora do almoço, na primavera, claro. Agora, o Pitti é muito diferente, né?

  7. Josiane Bravo

    Aww que charme de lugar, adoraria conhecer este parque. Na verdade, a vontade mesmo é de conhecer a França inteira rs e a Europa. Espero que este sonho se realize em breve e já sei onde encontrar as informações necessárias para quando este dia chegar 🙂 Beijos

  8. Ju Garzon

    As fotos estão lindas! O dia em que fui estava um solzinho tão gostoso que a galera ficou toda em volta dos espelhos d’água. Conseguimos cadeiras livres (deixam várias por lá) e aproveitamos aquela atmosfera de primavera. Não explorei mais porque meus pés doíam kkkk, mas me arrependi vendo as fotos dessa fonte. Bom, pelo menos agora tenho (mais) uma desculpa para voltar para Paris!

  9. Dayana

    Realmente, a Fontana é uma belezinha a parte. Estava no Jardin du Luxembourg uma vez logo de manhãzinha e tinha até crianças fazendo aulas de educação física no lugar. Isso sem falar nos franceses na hora do almoço, né?

    Eu adoro o lugar, especialmente, pela convivência com os locais… seu post me deixou cheia de saudades…

  10. Paula Abud

    Esse passeio é imperdível, sempre tive vontade de conhecer, espero ter essa oportunidade!
    Amei as fotos e o post está ótimo, obrigada pelas dicas!
    Numa viagem até lá com certeza esse passeio não pode faltar!
    Beijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *